O HOMEM IMPOSSÍVEL – A ASSASSINA – CAPÍTULO 2

Avelar, Praça Kennedy…

– Calma Miller, eu estou chegando ai jajá – falou Luan agoniado no celular – Por enquanto vá fazendo a cabeça dele ai. As fotos já estão aqui. O que? Não se preocupe que vou chegar a tempo para a edição de amanhã. Ok, até mais.

– Que droga, toda semana é essa pressão por fotos. Desse jeito vou ter que mudar de trabalho.

Luan entrou no seu Pagani Zonda Roadster 2009 modificado para perseguições contra criminosos do dia a dia. Ele costuma a ajudar a policia na parte da noite, mas a mesma nem desconfia que ele é o Homem Impossível, fato conhecido apenas por sua parceira e amiga Priscila.

Luan tem um Pagani negro para trabalho e lazer

Luan tem poderes que na realidade atual o torna impossível de se caracterizar como um ser humano normal. Além dos poderes que serão mostrados futuramente, ele tem uma visão de seres que não se enquadram em serem gerados no planeta Terra, mas isso não é 100% certeza.

Delegacia de polícia de Avelar…

– Finalmente achamos uma vaga para você, mas no setor de casos insólitos – disse o delegado Ananias.

– Como é que é? Setor de casos insólitos? Você deve estar de brincadeira comigo.

– Sinto muito Priscila, mas é isso mesmo. Espero que você reconsidere e fique no seu cargo.

– Ao contrário, estou curiosa para resolver esses casos e já aviso que vou levar um parceiro externo comigo.

– Já sei aquele fotógrafo de meia tigela – falou o delegado com um tom de voz apertado.

– Ele é um excelente fotógrafo, o que mata é que ele é um pouco desorganizado, somente isso – falou ela defendendo o parceiro.

– Aviso que apesar de ele trabalhar com você, não poderei liberar armamento para ele, somente um distintivo de auxiliar.

– Pare com isso Ananias, libere pelo menos de Detetive adjunto.

– Porque eu faria isso Priscila? Como auxiliar ele terá que obedecer as suas ordens, já é suficiente.

– Porque se nós tivermos que nos separar em alguma ocasião, ele terá mais credibilidade, principalmente com os delegados regionais, principalmente porque não deveremos investigar somente em Avelar.

– Tudo bem, mas mantenha-me informado sobre os casos em que vocês trabalharem.

E assim ela sorriu e deu um abraço no seu chefe que gostou muito. Depois abriu a porta e foi até seu escritório pegar suas coisas. Agora iria mudar de setor e sua vida correria muito mais riscos.

CONTINUA…

Por Alci Santos

Anúncios

2 comentários sobre “O HOMEM IMPOSSÍVEL – A ASSASSINA – CAPÍTULO 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s