DETETIVE – CAPÍTULO 46

Thais estava fixada na frente do computador. Com rapidez estava transferindo os arquivos do pc de Cláudio para seu e-mail.
”Esta é a cartada final… ”, pensou ela. ”Será a nossa vitória…”
Naquele momento, os outros detetives entraram na sala que residia a colega.
Jonas se afogou no sofá suspirando profundamente.
Bruna se aproximou de Thais observando os arquivos sendo anexados um à um.
”E quanto a Alice?”, questionou Miguel preocupado.
”Está fora de perigo, nada vai acontecer à ela”, explicou Josafá.
Miguel respirou sentindo-se aliviado.
”O que vamos fazer agora?”, perguntou ele.
”Precisamos encontrar alguém de confiança que nos ajude à desmascarar essa organização maldita”, sugeriu Lucas.
”Eu prefiro descobrir quem é o chefe dela”, comentou Jonas. ”Não sabemos em quem confiar. Se conseguirmos prender o chefe do Comando teremos provas suficientes para incriminá-los”
”É, sua idéia é melhor”, admitiu Lucas.
Neste momento, Thais ergueu as mãos exclamando:
”Terminei!”
A ansiedade invadiu a sala. Todos sentiram uma pontada da curiosidade invadindo seus corações.
Thais começou a baixar os anexos.
***
Enquanto isso, uma discussão estava havendo na delegacia.
”Eles foram longe demais!! Malditos!”, gritava Ley inconformado.
”Estão em desvantagem numérica e ainda assim conseguiram executar seus planos”, Cláudio estava irritado.
Neste momento, alguém entrou na sala. Era um senhor de cabelos grisalhos usando um paletó bem ajeitado.
”Esses garotos devem ser aniquilados”, falou ele sentando-se em uma cadeira. ”Mandei-os para aquela chacára porque eu sabia que seriam um problema”
”Acontece que Kelvin não foi suficientemente esperto para vigiar o assassino”, lembrou Cláudio. ”Todos os nossos capangas foram mortos naquele lugar e os detetives escaparam com vida”
”A incompetência é de vocês!”, vociferou o velho. ”Já pensou o que vai acontecer se todo nosso esquema for descoberto! Seremos condenados à cadeira elétrica! É por isso que precisamos acabar com esses desgraçados! Nosso plano de chegar ao governo deste país deve ser mantido! Agora vão e capturem aqueles detetives!”
***
Os detetives estavam espantados com o conteúdo contido ali. O esquema inicial era tomar a delegacia e depois partir para um plano de tomar posse do governo. Já havia um esquema montado para matar o prefeito.
”Maldição…”, resmungou Josafá. ”Precisamos agir antes que seja tarde demais!”
”Qual seria o próximo passo?”, questionou Lucas.
”Vai haver uma festa de congratulação pelo aniversário do prefeito no museu municipal amanhã”, falou Thais. ”Esse é o próximo passo”
”Vão matar o prefeito lá dentro?”, perguntou Montoro. ”Mas, o lugar vai estar cheio de policiais”
”A bebida dele vai estar envenenada”, disse Josafá.
”Cláudio parece ser o queridinho do prefeito”, explicou Jonas vendo o arquivo. ”Acho que, ele quer ser indicado pelo próprio para assumir esse cargo”
”Errado Jonas”, apontou Bruna. ”O vice está do lado deles, ou seja, a morte do prefeito vai dar o comando da cidade para eles”
”Precisamos de um plano e rápido”, comentou Lucas.
”Eu tenho uma boa idéia”, Bruna sorriu.

CONTINUA…

Por Naor Willians

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s