LONGE

Senti tua falta quando a lua veio
E a relva enfeitiçada lhe saudou!
O orvalho sobre o verde se deitou
E eu vi que a lua tem o teu enleio…
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Os raios que prateiam meu vagueio
Trazem-me tua lembrança que ficou,
Quando a mim vinhas solta e sem rodeio…
Aumentam minhas ânsias aonde vou!
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Igual à lua, luzes em minh’alma,
A me trazer o bem da tua calma,
Mesmo que longe estejas tu, assim…
 ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Não vejo, a olhar em volta, uma vivalma…
Só a lua ali tão branca, qual um talma,
A vigiar a dor dentro de mim!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Por Ineifran Varão
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s